Notícias

Noite de fado, sons e rica culinária celebram 37 anos da Taberna Portuguesa

03/06/2016

Embalados pelo tom marcante do fado, os 37 anos da Taberna Portuguesa foram comemorados na quinta-feira (3), em uma noite de autenticidade e harmonia entre sons e sabores típicos das terras lusas. No salão, desenhado por janelas, lustres e obras tradicionais, a cultura do país é celebrada nos detalhes, que usam os elementos estéticos e sensoriais para fazer cumprir a proposta de Sonia e Bento, seus idealizadores. Assim, sem grandes esforços, o público pôde sentir-se em Portugal sem sair de Cuiabá.

No ambiente, a fadista Marli Gonçalves brilhou ao lado da guitarra clássica e da guitarra portuguesa dos irmãos Ricardo e Renato Araújo, que aliaram seu talento inquestionável a qualidade vocal da cantora para fazer os presentes esquecerem a contagem do tempo.Passeando entre tons dramáticos, próprios do estilo, e acordes mais animados, eles não hesitaram em brincar com as emoções da platéia, conduzindo-a segundo sua vontade por momentos de euforia, riso, romance e consternação.

Em um dos pontos altos da apresentação, o trio voltou às raízes do fado, dispensando o uso de microfones e caixas amplificadoras de som, para homenagear os precursores do movimento. "Quero homenagear as cantadeiras, que, para não esquecer a importância dos mestres e de seus instrumentos, cantavam atrás deles no palco. Por isso, deixo aqui minha reverência aos meus mestres antes de cantarmos", anunciou Marli antes da canção.

Instigados pela interprete, os clientes substituíram os aplausos por um forte batucar de mesas e talheres, à moda de Portugal. Inscrito na lista de patrimônio cultural da humanidade desde 2011, o estilo ainda poderá ser apreciado na Taberna no sábado (4), quando o trio retorna para a última apresentação na Capital, antes de seu retorno às suas cidades natais.

Ao longo da noite, a experiência lusitana se torna plena pela provocação dos aromas e gostos típicos das culturas litorâneas, conferindo o merecido protagonismo gastronômico ao bacalhau e ao camarão, acompanhados pela qualidade da nacionalidade inquestionável dos vinhos. Servidos como entrada nas versões bolinho de bacalhau e camarão frito, os petiços são apenas o prenúncio do deleite que os sucederão.

Em combinações clássicas e contemporâneas, os ingredientes se destacaram nas versões bacalhau com natas, bacalhau à Gomes de Sá, bacalhau à moda da casa, bacalhau à espanhola, caldeirada, bacalhau ao forno, camarão à moda, camarão à grega, paella e pintado ao molho de camarão.

Firmado como um dos mais importantes redutos da gastronomia em Cuiabá, o empreendimento também foi homenageado por ilustres freqüentadores, que lembraram o empenho e resistência dos proprietários e equipe ao passar dos anos. O mérito, inquestionável pelos clientes, ganhou coro no trecho de uma das músicas: "É uma casa portuguesa com certeza. Com certeza é uma casa portuguesa."

______________________________________

Fonte: Olhar Conceito